Abertura de empresa. Saiba escolher o melhor modelo para o seu negócio.

[CONTEÚDO PARA LER, ASSISTIR OU OUVIR] - Escolha como prefere acessar.

Abertura de empresa qual modelo escolher?

Ao formalizar a sua empresa, a primeira coisa que você precisa escolher é qual tipo de empresa é mais adequada para seu negócio. A legislação brasileira nós dá várias opções, mas para os pequenos negócios existem três tipos principais: a empresa individual simples, a empresa individual de responsabilidade limitada, que nós chamamos de EIRELI e por último a sociedade limitada.

Atualmente, o modelo da empresa individual é ultrapassada, porque oferece apenas uma pessoa como sócia do seu negócio. Quando você escolhe esse modelo para abrir seu empreendimento, você se responsabiliza pessoalmente por todas as dívidas da empresa e isso é muito perigoso.

Por isso, não é aconselhável a escolha deste modelo, pois ele traz muitos riscos para o empreendedor.

Responsabilidade limitada, que nós chamamos de EIRELI

É um modelo criado para dar mais segurança a você empreendedor e afastar os riscos da empresa individual simples. Neste caso, os seus bens pessoais não se confundem com os bens da empresa e sua responsabilidade é limitada ao valor do capital social.

Mas lembre-se, você só pode ter uma empresa individual de responsabilidade limitada e o capital social não pode ser menor do que cem salários mínimos.

 Sociedade limitada

Neste modelo duas ou mais pessoas se unem para abrir um negócio e a responsabilidade de cada sócio é restrita ao valor de suas quotas sociais.

Diante destas opções a Fisco Expert aconselha para abertura de empresa: se você não tem sócio opte pela empresa individual de responsabilidade limitada. Se você tem sócios escolha a sociedade limitada.

Nós não citamos aqui a sociedade anônima e o motivo é muito simples! Esse modelo é bem mais complexo do que os citados anteriormente e não pode optar pelo Simples Nacional, ficando assim, restrita às empresas de grande porte e não para quem está entrando no mercado agora.

Futuramente, nós vamos falar sobre a sociedade anônima e suas implicações aqui em no nosso canal. Então fique ligado.

Uma vez que você escolheu o melhor modelo, você deu o primeiro passo na concretização do sue negócio. Agora, o próximo passo é formalizar o seu registro de abertura de empresa.

Formalização do Registro de Empresas

O registro de uma empresa passa obrigatoriamente pela Junta Comercial e pela Receita Federal, que gera o número do CNPJ.

Agora é importante frisar que se sua empresa é comercial você vai precisar fazer sua inscrição na Receita Estadual. Já se você vai prestar serviços, a inscrição é realizada na Prefeitura da sua cidade.

E outro fator importantíssimo, se sua atividade tiver potencial poluidor você vai precisar da aprovação dos órgãos ambientais. Já se você for trabalhar no ramo alimentício vai precisar da autorização dos órgãos sanitários. Além disso, seu negócio deve conseguir um alvará de localização e a aprovação do corpo de bombeiros.

Lembre-se que a regularidade é muito importante para o sucesso do seu negócio e procure sempre a orientação de um profissional.

Gostou deste artigo?

Leia sobre como atingir a excelência tributária em sua empresa no artigo: Os pilares da excelência tributária 

Leia também o artigo:  Planejamento Tributário saiba porque sua empresa precisa dele.

Faça parte de nossas redes sociais e acompanhe mais conteúdo gratuito sobre práticas tributárias que vão contribuir para os resultados de sua empresa.

Facebook: www.facebook.com/fiscoexpert/

Linkedin: www.linkedin.com/in/fiscoexpert/

Inscreva-se em nosso canal no YouTube: https://goo.gl/9YZPU1

Inscreva-se no formulário abaixo e receba conteúdo exclusivo por e-mail.

Cadastre e receba conteúdo por email